Porque Investir em Microfranquias Baratas é Lucrativo

Porque Investir em microfranquias

 

Antes de entender o conceito de microfranquias especificamente, é necessário saber exatamente o significado de uma franquia. Consiste, basicamente, em um tipo de administração que vem sendo muito utilizado por empresas dos mais diferentes nichos de mercado, formado por um franqueador e um franqueado. O franqueador é o detentor de uma marca, empresa ou grupo empresarial, que cede para o franqueado o direito de comercializar seus produtos e utilizar essa marca.

Obviamente, o franqueador irá lucrar com isso também, pois recebe uma parte do faturamento do franqueado sob a forma de royalties. Essa é uma excelente opção de negócio para as pessoas que sempre desejaram ter um empreendimento, porém, acabam ficando com receio de lançar algo que seja totalmente novo no mercado. As franquias, em sua maioria, são marcas ou instituições que já têm alguns anos de história, por isso, já se posicionaram e foram bem aceitas pelo público. O risco de falência realmente é menor.

Para os franqueadores, as vantagens também são inúmeras, afinal, é uma ótima maneira de divulgar a marca e expandir a sua atuação, conquistando novos mercados e públicos. O sistema de franquias é bom para ambos os lados, por isso, sua tendência é crescer e ganhar mais espaço. Um detalhe importante: os franqueados devem estar atentos às condições do franqueador, que devem ser respeitadas sob risco de se perder a franquia.

Microfranquias

Agora que o conceito de franquia já ficou esclarecido, vamos entender o que são as microfranquias. São aquelas franquias que exigem um baixo investimento inicial e que, também, têm baixos custos operacionais. São, por assim dizer, pequenas franquias e as opções ideais para você que pretende abrir seu próprio negócio, porém, não dispõe de muito capital para investir e manter. É verdade que as micro franquias também trazem lucros menores do que aquelas que requerem maiores investimentos, no entanto, é uma boa relação custo-benefício.

Além de mais baratas, essas franquias de pequeno porte também possuem uma estrutura menos complexa, necessitam de espaços menores (muitas são totalmente virtuais, ou seja, são microfranquias online) e também não exigem muitos funcionários – na maioria dos casos, você poderá trabalhar sozinho. Todas essas razões fazem desse tipo de negócio uma alternativa muito tentadora para quem tem espírito empreendedor, afinal, ficou muito mais fácil realizar esse sonho!

Como escolher uma micro franquia lucrativa

  • O primeiro passo antes de escolher a micro franquia na qual você irá investir é pensar em um segmento que lhe agrade mais, com o qual você tenha mais afinidade. Se o ramo da beleza lhe interessa, por exemplo, procure franquias relacionadas à estética, e esse será o princípio do seu sucesso, afinal, ao trabalhar em algo que gosta você tende a se esforçar muito mais, e o resultado do esforço sempre é a lucratividade, a positividade na produção. Trabalhe com aquilo que você gosta, essa é a dica mais preciosa.
  • Outro aspecto importante é avaliar qual é o nicho que está em destaque naquele mercado. Além do seu gosto pelo trabalho, também é importante pensar se aquele serviço fará sucesso para aquele público, naquela região e naquele momento. É um estudo minucioso e bem específico que deve ser realizado, no entanto, é fundamental para você ter a certeza de aplicará bem o seu dinheiro e de que o seu investimento irá trazer resultados. Inclusive, fazer uma pesquisa atenciosa na região em que você irá trabalhar, é um dos grandes segredos!
  • Depois de escolher o segmento de trabalho com base em seus gostos pessoais e na tendência do mercado, será o momento de escolher a microfranquia em si, ou seja, a empresa. Aqui, a pesquisa vai aparecer novamente! Não assine contrato com nenhuma organização antes de saber tudo o que for possível sobre ela: sua história, quando adotou o sistema de franquias, quantos franqueados possui e todo o resto que for necessário e possível. Conhecimento é tudo, por isso, saiba com quem está trabalhando.
  •  Por fim, leia atenciosamente o contrato da sua micro franquia, todas as cláusulas e condições que são impostas pela franqueadora. Questione o que achar necessário, traga sugestões de melhorias e só assine quando estiver totalmente certo de que será um bom negócio. Se achar necessário, vale contratar um advogado do ramo de contratos para ajudar na missão.

Saiba mais sobre Microfranquias assistindo o vídeo abaixo:

 

Curtiu? Compartilhe!

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

    Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

    Aprenda a Montar Seu Negócio do Zero, Online ou Offline, com Pouco Investimento e Retorno Garantido!

    E-book gratuito ensina os passos para ganhar dinheiro seguindo modelos estabelecidos no sistema que não para de crescer no Brasil!

    • Quais são as vantagens desse sistema
    • Como escolher o negócio ideal para você
    • Quais são as características necessárias para o sucesso